O problema não são as crianças, são os pais!

Aproximava-se a altura da verdade, subir a 10 metros de altura e deslizar até ao chão no slide. Sentado no seu carrinho, quase a dormitar dizia a criança, de 5 anos quase à beira das lágrimas, “Eu não quero ir, estou cansado, quero ficar aqui a descansar!” e dizia a mãe e o pai “Agora, tens que ir, a mãe vai fotografar!” e a conversa repetiu-se até à hora H, a criança acabou por ir, incentivado pelo gritos na subida “Tu consegues, tu consegues. Mostra-lhes como é que é!” e o pai sussurava para a mãe “Eu é que não subia lá acima, nem que me pagassem!” O miúdos hesitou, vacilou mas prosseguiu, fez slide, todos encolhido e chegou lavado em lágrimas, tolhido e assustado. Pequeno do meio, moço destemido e sem grandes medos, bem maior que ele, observou “Coitado! Eu quando cheguei lá acima tremi, aquilo mete respeito! E ele é muito mais pequeno que eu!”Será que valeu a pena? Claro que sim, ficou registado, pela sua mãe, o momento para a posteridade.

“A tua filha, ontem, arranhou a minha, no recreio. Já ralhei com ela, já disse à educadora e já telefonei à mãe da outra menina que mandou a tua arranhar a minha” podia ser uma novela/notícia ao género TVI ou Correio da Manhã mas não. Nada de bom advém dos pais se meterem em situações que são perfeitamente normais entre crianças e que elas, melhor que ninguém, sabem resolver, não necessitando, regra geral, da intervenção do adulto.

“Não há sítio suficientemente bom para deixarmos os nossos filhos, há sempre quem ralhe com eles, seja muito rígido e esqueça a pedagogia. Depois há o frio, o calor, as correntes de ar, a comida…! E o pior ainda é quando são pequenas, enquanto ainda não falam, e não podem contar o que lhes fazem e acontece na escola” Tristeza esta desconfiança e a certeza de que nada, nem ninguém, está à altura das suas preciosidades, que vai-se a ver são crianças como tantas outras…ou então não!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s