Retribuições

“Eu isto, eu aquilo, eu, eu…”, assim que termina o recital e a outra pessoa, quem o ouviu, pacientemente, durante largos minutos, tenta dizer qualquer coisa, acena, sem demoras, “Tenho de ir, Tchau!”. Analisando, constata-se que é um comportamento regular e não esporádico! Às vezes, apetece-se, só porque sim: finjo que não percebo, ignoro a deixa e mantenho a conversa, com a nítida sensação, não, com a certeza, que a outra pessoa só se quer é escapar e sorrio para dentro – afinal todos temos uma pouco de egocêntricos, nem todos somos é impacientes! No final, rio-me, com vontade, quando constato,  que caricato, caricato é que, provavelmente, enquanto se afasta a passo largo, estará a apelidar-me de egocêntrica e… possivelmente tem toda a razão 🙂 Sou uma fervorosa adepta da retribuição positiva e construtiva.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s