Manuais escolares: intrujices

Como vem sendo hábito, por esta altura do ano, costumo proceder à encomenda dos manuais escolares da pequenada, para o próximo ano letivo, utilizando para isso o site da Porto Editora ou da Wook. É rápido, eficaz e cómodo.
A sua aplicação é xpto e user friendly: escolhemos o distrito, o concelho, selecionamos a escola, de seguida as disciplinas das quais queremos adquirir o manual, e pronto, aparecem as imagens dos livros e/ou blocos pedagógicos, o valor de cada um, o valor total da encomenda, adicionamos ao carrinho de compras e seguimos para o checkout para pagar, já quase a sentir o cheirinho a livros novos com a chegada do carteiro. E é no checkout que se dá a surpresa desagradável, não presente nos anos anteriores, pois só aí temos acesso à lista discriminada de todos os itens do bloco pedagógico/livro e o seu valor. Observando com atenção percebemos que no preço indicado, para cada manual, está incluído o acesso ao manual digital e é cobrado 5,35€. O manual digital não é obrigatório, é de aquisição opcional, logicamente não deve ser incluído no preço indicado, à partida, para o manual, a não ser que o comprador indique a sua vontade expressa em comprá-lo [o que em anos anteriores não acontecias].
Mas não… o dito cujo manual digital aparece lá e temos de os apagar, um a um, da lista, apesar de não termos optado pela sua compra, num processo moroso, pois por cada um que apagamos aparece a sugestão de aderirmos à escola virtual, que temos que dizer sim ou não, para só depois podermos voltar à lista original e discriminada dos livros. Pode-se retirar os ditos cujos também alterando a quantidade para zero mas o site só atualiza se carregarmos na seta para a frente em cada manual, caso contrário continuam a figurar na lista.
Quando se compra vários muitos manuais, com é o nosso caso, este anos para 3 alminhas, esta pequena grande intrujice acresce 60€ ao preço que custariam apenas os tradicionais manuais que, afinal de contas, era o que pretendíamos adquirir.
Ao constatar isto, passei-me da marmita e fazendo jus à minha veia de refilona, mandei um mail para os ditos senhores que rezava assim:

Gostaria de realçar o meu enorme desagrado ao constatar que ao escolher as disciplinas em que pretendemos adquirir manuais ou blocos pedagógicos, ao fazer o checkout e confirmando a lista detalhada, incluem os manuais digitais, quando eu não selecionei a sua compra em passo nenhum e estes não são obrigatórios. Pode induzir em erro os mais incautos e não me parece nada ético, num serviços que se quer claro e transparente e acrescenta 5€ a cada manual adquirido. Não ponho em causa a utilidade e a venda do manual digital mas a forma com o estão a “impingir” e penso que poderá/merecerá ser alvo de uma queixa mais séria junto das entidades competentes. Há que ter cuidado e respeito pelo comprador. Por tudo o descrito anteriormente, denoto algum tristeza e desagrado e começo a ter algumas dúvidas na qualidade do serviço que seria esperado da vossa parte. Grata pela atenção. Cumprimentos”

e pensei daqui a uma semana talvez me respondam mas afinal não, bastaram duas horas e a resposta foi a seguinte:

“Recebemos o seu e-mail, o qual mereceu a nossa melhor atenção.
Em resposta, gostaríamos de agradecer o seu contacto, bem como as suas observações.
Para a Porto Editora é extremamente gratificante poder contar com a sua opinião, pois é essencial para a melhoria da qualidade dos nossos serviços.
No que diz respeito á observação que remete em relação á seleção automática dos blocos pedagógicos com acesso digital no processo de encomenda através do nosso site, de facto, tal situação é intencional, uma vez que verificamos um aumento exponencial na procura por este material e tal seleção, foi a forma encontrada pelos nossos serviços de facilitar o processo para a maioria dos nossos clientes. Contudo, ressalvamos que apesar dessa situação, no primeiro passo do processo de encomenda onde aparece a lista dos blocos pedagógicos de cada disciplina selecionada, no campo ?ver componentes do BP? é possível ao clicar nos botões + ou -, adicionar ou remover os vários componentes do bloco, isto é, através desse mecanismo é dada a opção de adicionar ou remover tanto o acesso digital como o caderno de atividades ou mesmo manual, por exemplo, selecionando assim apenas os componentes pretendidos, e em seguida prosseguir para a finalização da encomenda.
Estamos ao dispor para qualquer esclarecimento adicional.
Com os nossos melhores cumprimentos”

Ao que me ocorre apenas dizer “Está bem abelha!ZZZZZZZ” ou “Morde aqui a ver se eu deixo”. Quem me respondeu, cumpre funções, o problema está em quem desenha o esquema e isto, meus caros, é um verdadeiro esquema de fazer dinheiro.

Considero esta forma de “fazer negócio” no mínimo danosa, vergonhosa, condenável, entre muitas outras coisas, como tal, penso que seria importante mostrar a estes senhores, que são literalmente os donos do mercado de livros escolares, o poder da internet e do passar palavra. Partilhem esta informação, da forma que melhor entenderem, pelos vossos contactos, especialmente com os que têm filhos em idade escolar e que possam ser potenciais utilizadores do serviço, para que não caiam na esparrela. Vamos lá dar-lhes a provar do seu próprio remédio, mostrando-lhes, utilizando, as suas palavras “aumento exponencial” do meio digital!

Anúncios

5 thoughts on “Manuais escolares: intrujices

    1. Esse é o principal objetivo que a malta fique atenta e não caia no engodo! É preciso estar sempre com um olho no burro e outro no cigano! Enfim, vai-se a ver e eles é que nos fazem o favor de incluir tudo no pack, dada a nossa falha de memória e desconhecimento de ser essencial o manual digital. Um falta de honestidade incrível, em sites que têm tudo para ser excelente e que tenho a certeza que ganham dinheiro a rodos com os manuais escolares. Começo a desconfiar que é para compensar os manuais de 1º ano que não vendem!

      Gostar

  1. Permita-me uma questão. Já verificou na escola do pequenote se vão oferecer os livros? Porque do 1.º ao 4.º ano serão gratuitos mediante devolução. Apenas deve comprar os cadernos de fichas. Ou pretendeu adquirir e não usufruir da oferta? Graa

    Gostar

    1. Olá Andreia! Um dos meus pequenos já está no 2º ciclo, os outros dois não estão a frequentar o ensino público e como tal nenhum deles está abrangidos por esta medida. Beijinhos e obrigada pela visita e pela partilha de informação.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s